Harmonização Quatro Graus Quintuppel | Por Ivan Ramalho

Hey, tudo bem?

O Sommelier de cervejas Ivan Ramalho mandou muito bem em mais uma harmonização e compartilhou com a gente aqui do Cerveja Mestra.

Se liga nesse beer pairing maravilhoso:

Cerveja: Quatro Graus Quintuppel (você pode comprar aqui).
Prato: Pizza de Shimeji, Nirá e Pesto de Manjericão.

A cerveja Quatro Graus Quintuppel

A escolhida da vez foi a Quintuppel da cervejaria Quatro Graus, uma cerveja do estilo belga Quadrupel envelhecida com chips de carvalho francês, que deram uma personalidade única ao rótulo.

Além do malte de cevada, água, lúpulo e fermento, foram utilizados também malte de trigo, aveia e açúcar mascavo.

O resultado foi uma cerveja de 12% de teor alcoólico, com aromas de caramelho e madeira, uma aparência âmbar bem escura, sabor doce e amadeirado, final seco e uma sensação aveludada na boca.

Encontrar um prato que harmonizasse com uma cerveja tão complexa e potente foi um desafio cumprido com maestria pelo Ivan.

Para fazer o prato

Passo 1: cubra um Rap 10 (também dá para fazer com pão árabe, se preferir) com uma camada de molho pesto (você pode conferir a receita abaixo em vídeo).

Passo 2: adicione queijo de sua preferência (opte por queijos amarelos mais gordurosos, que derretam com mais facilidade), cogumelos shimeji na manteiga (veja a receita em vídeo abaixo), nirá e tomate cereja.

Passo 3: leve ao forno até o queijo derreter e as bordinhas da massa enrugarem. Você também pode fazer em uma frigideira, em fogo baixo e com um tampa para abafar o calor.

Passo 4: cabô! Sua pizza já está prontinha esperando por você e sua cerveja.

A harmonização

Impossível não ficar com água na boca, não é?

O Ivan escolheu fazer um prato simples, porém com ingredientes bem selecionados para fazer o casamento ideal com a Quintuppel, cerveja escolhida para esta harmonização. Para a pizza, ele usou o Rap 10 – aquela massinha que vende pronta e dá para fazer pizzas, wraps etc – por ser fácil de usar e de achar no mercado, além de ser uma massa fina e crocante quando vai ao forno ou frigideira, o que valoriza o sabor dos ingredientes.

A harmonização foi elaborada por corte e contraste.

A alta carbonatação e o teor alcoólico elevado (são 12% ABV :O) cortaram a gordura do queijo e do shimeji feito na manteiga. O contraste foi feito pelo dulçor residual e caramelo da cerveja com o salgado do queijo e do shoyu utilizado para fazer os cogumelos.

O que mais chamou a atenção do Sommelier foi o destaque do amadeirado (carvalho) da Quintuppel, que fez um casamento perfeito com os ingredientes da pizza na boca.

Outro ponto importante a ser observado foi que o final seco e a carbonatação alta dessa cerveja foram limpando o paladar durante a degustação, dando uma nova sensação na boca a cada garfada e novo gole.

Ivan Ramalho é Sommelier de Cervejas e colaborador do blog Cerveja Mestra. Clique aqui para conhecer seu Instagram. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *